Desde 1877

Empresa

A Casa Lima foi fundada em 1877, por Augusto Joaquim Pereira de Lima, na Rua do Souto. No início de actividade, dedicava-se à indústria e comércio de bengalas e guarda-sóis. Em 1909, surgiu uma segunda loja na Rua de Santa Catarina, n.º 231. Sabe-se que nesta altura eram comercializados vários produtos como: gravatas, malas de viagem, guarda-chuvas, guarda-sóis e bengalas. No ano de 1918, abriu as portas a loja da Rua de Sá da Bandeira, n.º 83, mesmo ao lado do conhecido café: "A Brasileira".

Devido a falta de espaço, em 1998, foi criada uma nova loja com o objectivo de fazer uma melhor exposição dos artigos, em especial dos de viagem. Esta loja fica na Rua Rodrigues de Sampaio, n.º 186, bem junto à Câmara Municipal do Porto. Em Outubro de 2016, a Casa Lima teve de fechar uma das suas lojas, situada na rua de Sá da Bandeira 83, devido à construção de um novo hotel. Para compensar esta perda, abriu-se uma nova loja na rua Guilherme Costa Carvalho nº 29 num prédio desenhado pelo famoso arquiteto Viana de Lima.

Nas nossas 3 lojas é possível encontrar mais de 3000 produtos diferentes: a pequena marroquinaria (porta notas, porta-moedas, porta-canetas), carteiras de senhora, carteiras de homem, cintos, suspensórios, malas, sacos de viagem e também se pode encontrar grande variedade de guarda-chuvas com cabos de várias madeiras como: java, malaca, tojo e outras.

Na mesma família há cinco gerações, a Casa Lima continua a ser um estabelecimento de forte tradição e qualidade, que se caracteriza pelo atendimento personalizado dos clientes, assim como pelos rigorosos critérios de escolha dos produtos.

"Pelos navios Três Graças e Alerta, ultimamente chegados ao Havre, receberam-se neste estabelecimento chapéus de sol e bengalas..."
("Periódico dos Pobres do Porto", 1856, nº 256)